Tag Archive: mitologia


Philo Pires. Curso “Lendas da Antiguidade”. Aula 051, parte 1.Título:  “Ordo Ab Chao e o Nome Inefável de Deus .” Esta aula pode ser considerada a 2a parte da aula 13 – O simbolismo do Mito de Enoch.  Por motivos didáticos, ficou mais adequado enquadrá-la como uma nova atividade. Comentamos, tendo como ponto de partida a antiga lenda do Templo de Enoch, alguns aspectos do simbolismo mitológico e da perspectiva filosófica  relacionados a mais misteriosa palavra existente na tradição hebráica, a Palavra Perdida. Esta palavra seria o nome inefável da divindade. A pergunta que surge é: por que, pela doutrina religiosa da antiga Palestina, é proibido o conhecimento e a pronúncia de tal vocábulo? Para responder a esta dúvida, analisamos rapidamente o conceito grego clássico de Caos e Cosmos, a dualidade sagrado/profano e algumas visões filosóficas pertinentes a este tema – notadamente a perspectiva da Filosofia da Linguagem. Vejam em breve a postagem da parte 2 – conclusão. Obrigado e boa aula!

Reedição resumida (apenas 18 min) da Web-Aula do Curso Mitologia & Filosofia , “A Caverna de Platão, retratado no Livro VII de “A República”. A parábola ou o Mito da Caverna é um dos mais conhecidos e emblemáticos capítulos de toda Filosofia. A narrativa heróica do camarada que se libertou dos grilhões que o prendiam no fundo de uma caverna é relembrada e são feitas breves leituras de seus diversos significados, sob o ponto de vista ontológico, epistemológico, ético e mitológico. Duas perguntas surgem em meio a esta reflexão. A primeira: você já esteve aprisionado em uma caverna? A segunda: ainda há lugar para a existência de cavernas como as de Platão em plena pós-modernidade? ( coloquei algumas imagens de minha viagem à Caverna de SterkFontein, no sudeste africano, onde viveram os Homo sapiens mais antigos já descobertos) Abraços a todos! Carlos Pires, Filósofo & Viajante.

O ser humano, desde os primórdios, busca respostas aos grandes dilemas existenciais que dilaceram as almas daqueles que decidem questionar a razão e o sentido de tudo. Além disso, queremos que  algo ou alguém mostre-nos quais os caminhos certos a seguir. Com este foco em mente propomos, nesta breve videoaula, uma  reflexão sobre o mito ancestral do Axis Mundi – apesar de sabermos que é impossível tratar de um tema desta envergadura em poucos minutos. Conhecer um pouco sobre esta figura metafórica inquietante é um degrau essencial para todos aqueles que apreciam investigar, mesmo que epidermicamente,  os mais profundos mistérios & dramas de nossa  identidade.