Série: “Jornadas Filosóficas pelo Mundo” nº 111.

Os Manuscritos do Mar Morto foram descobertos entre 1947 e 1956 em Qumran, localidade no deserto da Judéia, na atual Palestina. Datando de 300 a.C. a 70 d.C., estes pergaminhos trouxeram à luz trechos do Velho Testamento – como o Evangelho de Isaías – e de outras vertentes, como os Essênios. De forma impressionante,  mostram um pouco da história de Israel na era pré-Cristã e foram considerados o maior achado arqueológico do século XX. Para quem aprecia os assuntos, lendas e mistérios da Terra Santa, conhecer estes verdadeiros tesouros é uma experiência sublime. Estive recentemente na Palestina e fui conhecer as ruínas de Qumran e os Manuscritos. Um forte Abraço!